Você está na cidade de:

A DOENÇA DO OUTRO

Conversa – Como eliminar monstros: discursos artísticos sobre HIV/AIDS
Com Ronaldo Serruya e Fabiano Dadado de Freitas
27 de novembro, das 15h às 16h30
Área de Convivência do Sesc Ipiranga

Sinopse

Dirigido por Fabiano Dadado de Freitas, A Doença do Outro debate preconceitos, estigmas e, acima de tudo, quebra o silêncio sobre a vida de pessoas portadoras do vírus. “O silêncio não nos protege porque nos escondemos. Se não falo, eu me preservo, mas ao mesmo tempo fico invisível. Mesmo após tantos anos, décadas, a regra do silêncio sempre permaneceu. O desejo da peça é de que um dia ninguém mais precise se esconder nesse armário do HIV, que não precisemos mais de uma lei que defenda o anonimato – lei que defendo porque ainda enfrentamos muito preconceito”, coloca o ator.
Na sua construção do texto, Serruya tem como ponto de partida algumas fontes essenciais: a obra A doença e suas metáforas, da ensaísta e filósofa estadunidense Susan Sontag, que propõe uma análise sobre a história social da doença e como a sociedade enxerga um corpo doente; conceitos do feminismo negro e da teoria queer também aparecem sempre no sentido de pensar como os conceitos de um corpo diverso vão se formando; por fim, há relatos autobiográficos do próprio autor e perfomer da cena, que vive com HIV desde 2014.
Neste solo, a direção coloca a teatralidade e a interatividade unidas: os temas dessa “conversa”, como diz o ator, se apresentam em uma série de jogos com a plateia, permeados pelo videografismo presente em projeções em vários locais, inclusive no figurino.
A Doença do Outro integra a programação do Teatro Mínimo, criado em 2011, pela equipe de programação do Sesc Ipiranga. Depois de três anos sem programação por conta da Covid 19, em outubro, o espaço voltou a receber espetáculos teatrais que discutem a experimentação das linguagens cênicas, além de aproximar fisicamente o público dos artistas, deixando a experiência mais intimista.

Direção

Fabiano Dadado de Freitas

Grupo/Cia

Corpo Rastreado

Ficha Técnica Completa

Idealização, Texto e Atuação – Ronaldo Serruya
Direção – Fabiano Dadado de Freitas
Cenografia – Evee Avila e Mauricio Bispo
Figurino – Luiza Fardin
Luz – Dimitri Luppi
Trilha Sonora Original – Camila Couto
Operação som e vídeo mapping – David Costa
Assistente e operação de luz – Paloma Dantas
Videoarte – Caio Casagrande, Evve Avila e Mauricio Bispo
Produção – Corpo Rastreado

Texto disponibilizado pela produção do espetáculo.

Detalhes da peça

Status

Encerrada

Temporada

De 11/11/2022 até 11/12/2022

Dias

  • Sexta
  • Sábado
  • Domingo
  • Sexta
  • Sábado
  • Domingo

Duração

60 minutos

Valor

R$ 30

Região

Zona Sul / São Paulo

Teatro / Espaço

Sesc Ipiranga
R. Bom Pastor, 822, Ipiranga, São Paulo/SP - 04203001

Estacionamento

Cafeteria

Sim

Telefone

(11) 3340-2000

L

Classificação indicativa

Classificação Livre para todas idades

Galeria de fotos
Compartilhar em

Você pode se interessar

M4NO

Luís Felipe faz escolhas guiadas pela angústia de não se sentir completo, desesperado pela apatia dos dias e das pessoas comuns. Pra ele, a felicidade, a sensação de satisfação é externa e, até agora, parece inalcançável. Em três distintas janelas de tempo, a perturbação de Luís Felipe é narrada num jogo que experimenta todas as tensões entre o que é real e o que é ficção.

de 01/04/2024 a 27/05/202460 minà partir de R$ 25Últimos Dias
  • Segunda21h
Teatro Pequeno Ato

EU NÃO VOU FAZER GRETA GARBO

Um elenco se encontra para ensaiar e uma questão surge: um dos atores se recusa a fazer uma personagem homossexual masculina, que gosta de ser chamada pelo nome Greta Garbo. Afinal, quem pode representar quem? Às vésperas da estreia, o grupo vai precisar repensar o fazer teatral e tomar decisões.

de 24/05/2024 a 26/05/202460 minGratuitoEm breve
  • Sexta20h30
  • Sábado20h30
  • Domingo18h
SP Escola de Teatro - Unidade Roosevelt

CORONEL MOSTARDA COM A CHAVE INGLESA NA COZINHA

Inspirada no popular jogo de tabuleiro "Detetive", a peça é um espetáculo-jogo de investigação que convida a plateia a se envolver na solução de um mistério. A trama se desenrola por meio de cenas totalmente improvisadas. A cada início de apresentação, cartas são sorteadas, definindo quem é o assassino, a vítima, a arma do crime e o cômodo onde ocorreu o assassinato. No palco, os atores são peças em um tabuleiro e o público se transforma em detetives investigadores, orientando como as cenas devem se desenrolar até que o enigma seja decifrado. Sob a orientação da investigadora Miranda, o espetáculo desafia e instiga os espectadores, cujo objetivo é acertar as quatro cartas sorteadas, com base na narrativa criada pelos atores.

de 03/05/2024 a 31/05/2024 minà partir de R$ 40Em cartaz
  • Sexta20h30
Teatro Ruth Escobar

Inf Busca Peças

Data
Preço

Este website armazena cookies no seu computador. Esses cookies são usados para melhorar sua experiência no site e fornecer serviços personalizados para você, tanto no website, quanto em outras mídias. Para saber mais sobre os cookies que usamos, consulte nossa Política de Privacidade

Não rastrearemos suas informações quando você visitar nosso site, porém, para cumprir suas preferências, precisaremos usar apenas um pequeno cookie, para que você não seja solicitado a tomar essa decisão novamente.