Você está na cidade de:

A ÚLTIMA ENTREVISTA DE MARÍLIA GABRIELA

Teatro Unimed apresenta “A Última Entrevista de Marília Gabriela”

Em maio de 2024, Marília Gabriela entra em cena para uma última entrevista, e dessa vez será ela a entrevistada, e por uma pessoa que lhe é muito familiar: seu filho caçula, Theodoro Cochrane. A comédia dramática “A Última Entrevista de Marília Gabriela” se passa durante um programa de entrevistas ao vivo no teatro, onde ficção e realidade se misturam e o que era para ser apenas uma entrevista vira um jogo perigoso que revela os arquétipos da relação entre mãe e filho. Durante o espetáculo, feminismo, conflitos geracionais, etarismo e a fronteira entre o público e o privado são alguns dos temas abordados que norteiam o texto, entretendo e emocionando o público. Sem a quarta parede, o espectador é convidado a participar ativamente da montagem, respondendo até ao famoso batebola, marca registrada de Marília Gabriela.

Ficha Técnica:

Elenco
Marília Gabriela e Theodoro Cochrane
Dramaturgia: Michelle Ferreira
Direção: Bruno Guida
Diretora Assistente: Mayara Constantino
Figurinos: Theo Cochrane
Iluminação: César Pivetti
Trilha e Preparação Vocal: Daniel Maia
Realização: Rega Início Produções Artísticas

Detalhes da peça

Status

Em breve

Temporada

De 03/05/2024 até 30/06/2024

Dias

  • Sexta20h
  • Sábado20h
  • Domingo18h

Duração

70 minutos

Valor

Balcão R$120 (inteira) e R$60 (meia) / Plateia R$180 (inteira) e R$90 (meia)

Região

Centro / São Paulo

Teatro / Espaço

Teatro Unimed
Alameda Santos, 2159 , Jardim Paulista, São Paulo/SP - 01418200

Estacionamento

No local

Cafeteria

Sim

E-mail

contato@teatrounimed.com.br

14

Classificação indicativa

Não apropriado para menores de 14 anos

Galeria de fotos
Fotos por Bob Wonfenson
Compartilhar em

Você pode se interessar

ADULTÉRIO INVOLUNTÁRIO

A peça conta a história da advogada Eva que, ao voltar para casa depois de um dia no tribunal, é surpreendida pela confissão de seu marido, Albano, sobre o assassinato de seu melhor amigo. De malentendido em mal-entendido, Cris, a viúva, se junta ao casal e as situações se desenrolam deixando o espectador perplexo, curioso e animado. Os personagens se envolvem em situações hilárias e absurdas, e o público não consegue mais escolher entre a gravidade da situação e o riso solto, “é possível rir de nossas mazelas e mentiras. Vivemos o tempo do discurso público, mas assumimos outro discurso na vida privada”, reflete Andreato. Com um enredo intrigante e diálogos afiados, "Adultério Involuntário" traz a mistura do gênero cômico com o suspense policial.

de 23/02/2024 a 14/04/2024 minà partir de R$ 40Últimos Dias
  • Sexta20
  • Sábado20
  • Domingo18
Teatro Eva Herz

BROADWAY STATION – O ESPETÁCULO

Tallulah Banks; após retornar da Europa, vive em um apartamento em Nova Iorque com Anna Davis. A atriz teve um envolvimento com Alan Bradford, o maior produtor da Televisão Americana e da Broadway. Influenciado pelo Senador Macarthy, Alan Bradford suspeita que Tallulah Banks seja ativista do Partido Comunista, em uma época de “Caça às Bruxas”, introduz o promissor e ambicioso autor Brian Keller no apartamento de Tallullah para investigá-la, com o pretexto de escrever um espetáculo marcando o retorno de sua “querida” à Broadway. Broadway Station revive o glamour de uma época dourada no competitivo circuito teatral de Nova Iorque. Um canto fúnebre a hierarquia do teatro, egos de profissionais, traições e o alto custo para permanecer em cartaz.

de 05/04/2024 a 04/05/202480 minà partir de R$ 30Em cartaz
  • Sexta21h
  • Sábado18h
  • Domingo18h
Teatro J. Safra

BRÁS CUBAS

A peça da Armazém desmembra o personagem Brás Cubas em dois. Sérgio Machado interpreta Brás Cubas desde seu nascimento até sua morte (não necessariamente nessa ordem) e Jopa Moraes assume Brás Cubas já como o defunto que narra suas memórias póstumas. “Esse defunto está pouco vinculado ao século 19, quer e precisa se comunicar com as pessoas de agora”, comenta o diretor. A dramaturgia tem uma estrutura em três planos: o plano da memória – que são as cenas vividas por Brás; o plano da narrativa – onde entram as divagações e reflexões do defunto; e um terceiro plano em que o próprio Machado de Assis (vivido por Bruno Lourenço) invade sua narrativa com comentários que visam conectar contemporaneamente suas críticas à sociedade brasileira.

de 22/03/2024 a 05/05/2024110 minà partir de R$ 18Em cartaz
  • Sexta21h
  • Sábado20h
  • Domingo18h
Sesc Santo Amaro

Inf Busca Peças

Data
Preço

Este website armazena cookies no seu computador. Esses cookies são usados para melhorar sua experiência no site e fornecer serviços personalizados para você, tanto no website, quanto em outras mídias. Para saber mais sobre os cookies que usamos, consulte nossa Política de Privacidade

Não rastrearemos suas informações quando você visitar nosso site, porém, para cumprir suas preferências, precisaremos usar apenas um pequeno cookie, para que você não seja solicitado a tomar essa decisão novamente.