Você está na cidade de:

AS MULHERES, OS HORMôNIOS E EU

Núcleo Urbanos de Teatro estreia a comédia As Mulheres, os Hormônios e Eu na SP Escola de Teatro

Dr. Sigmar é um ginecologista divorciado e introvertido que dedicou toda sua vida à medicina. É mestre nos diagnósticos e nas questões fisiológicas do corpo feminino. Subitamente, ele é acometido por crises de pânico quando precisa olhar para o órgão sexual feminino, o que pode destruir sua carreira. Então, busca a ajuda de uma psicoterapeuta, a Dra. Elaine, que usa métodos pouco ortodoxos. No consultório dela, Sigmar irá contracenar com as mulheres marcantes de sua história em busca da chave de sua neurose. Enquanto Elaine tenta quebrar as resistências emocionais dele, ele se coloca na pele de mulheres diferentes – ousadas, tímidas, modernas, reprimidas, tpemicas, menopáusicas e todo tipo de pacientes que passaram por seu consultório ginecológico, inclusive ela mesma. Uma aventura de onde homem e mulher saem melhores.

Ficha Técnica:

Dramaturgia: Nanna de Castro
Elenco: Walmir Pavam e Rosa Rosah
Direção e Cenografia: Lilian Domingos
Desenho e operação de som, trilha musical e design: Ivan Silva
Figurino: Rosane Muniz
Iluminação: Carol Autran
Assistência de Direção: Maurício Sasí
Assistência de Produção: Beatriz Merino
Contrarregra: André Rosah
Produção Executiva: Marcio Yatsuda
Assessoria de imprensa: Pombo Correio

Detalhes da peça

Status

Encerrada

Temporada

De 11/11/2023 até 03/12/2023

Dias

sáb 20h, dom 19h

Duração

75 minutos

Valor

R$50 (inteira) / R$25 (meia)

Região

Centro / São Paulo

Teatro / Espaço

SP Escola de Teatro - Unidade Roosevelt
Praça Franklin Roosevelt, 210, Bela Vista, São Paulo/SP - 01303-020

Estacionamento

Praça Franklin Roosevelt, 194

Cafeteria

Sim

Telefone

(11) 3775-8600

E-mail

info@spescoladeteatro.org.br

14

Classificação indicativa

Não apropriado para menores de 14 anos

Galeria de fotos
Fotos por Aline Braga
Compartilhar em

Você pode se interessar

VOZES DA FLORESTA

Lucélia Santos, com o espetáculo: Vozes da Floresta Chico Mendes Vive, encena memória da luta de Chico Mendes, sob a companhia e o olhar histórico de Valdiza Alencar e Cecília Mendes. Três mulheres da resistência que dão o tom da peça. Elas intercalam seus sentimentos e paixões em narrativas que são à voz do próprio Chico Mendes. Ele é o fio condutor no relato da história coletiva do movimento de resistência dos seringueiros acreanos, sendo em essência, a sua própria história também. No espetáculo, trechos inéditos de sua longa entrevista gravada há 34 anos, são usados para retratar o ápice do conflito entre seringueiros e ruralistas. A sua persistência em resistir contra a derrubada da floresta onde vivia e trabalhava, serviu e serve até hoje como exemplo para as gerações presentes e futuras.

de 20/06/2024 a 21/06/202470 minà partir de R$ 30Em breve
  • Quinta21h
  • Sexta21h
Teatro Oficina Uzyna Uzona

A FILHA PERDIDA

Leda é uma professora de meia idade, divorciada e bem-sucedida que viaja sozinha de férias para a praia em busca de descanso. Na areia, ao observar a serenidade de uma jovem mãe que brinca com sua criança, se vê assombrada por um dilema que parecia soterrado no passado: o abandono do marido e das duas filhas em busca de uma vida mais livre. Adaptação para o palco do romance de Elena Ferrante.

de 28/06/2024 a 28/07/202470 minà partir de R$ 15Em breve
  • Sexta20h
  • Sábado20h
  • Domingo18h
Sesc Bom Retiro

O MARINHEIRO

Sem a exata noção das horas no arrastar da noite negra, três figuras velam uma morta, seus corpos quase imóveis neste ambiente funesto. No entanto, suas mentes, libertas das amarras do real, vagam por um reino onírico conduzidas pelo fluxo dos diálogos. Da palavra surgem as angústias que as atormentam; conflitos que nascem e se instalam nas mentes e pensamentos das três. Durante a vigília, a segunda irmã narra um sonho sobre um marinheiro perdido em uma ilha deserta, que cria uma vida ilusória para si mesmo, imaginando um mundo inteiro para escapar da solidão e do desespero. Essa metáfora da condição humana reflete sobre o isolamento, a necessidade de criar significados e a fragilidade das percepções. À medida que a noite avança, as reflexões sobre a efemeridade da vida, a natureza dos sonhos e a busca por sentido dominam a conversa.

de 18/06/2024 a 18/07/202450 minà partir de R$ 25Em breve
  • Quarta21h
  • Quinta21h
Atelier Cênico

Inf Busca Peças

Data
Preço

Este website armazena cookies no seu computador. Esses cookies são usados para melhorar sua experiência no site e fornecer serviços personalizados para você, tanto no website, quanto em outras mídias. Para saber mais sobre os cookies que usamos, consulte nossa Política de Privacidade

Não rastrearemos suas informações quando você visitar nosso site, porém, para cumprir suas preferências, precisaremos usar apenas um pequeno cookie, para que você não seja solicitado a tomar essa decisão novamente.