Você está na cidade de:

O LEGÍTIMO PAI DA BOMBA ATÔMICA

Oriente-se: Amarelos em Cena apresenta espetáculo gratuito sobre o poder destruidor da bomba atômica, peça O Legítimo Pai da Bomba Atômica têm apresentações gratuitas nos Teatros Arthur Azevedo

Encenado por atores nipo-brasileiros, o projeto Oriente-se: Amarelos em Cena apresenta espetáculo sobre a possibilidade de extermínio da humanidade trazida pela invenção da bomba atômica, que provocou entre 130 e 240 mil mortes nas cidades de Hiroshima e Nagasaki, no Japão, no fim da Segunda Guerra.

Com texto do premiado autor Murilo César Dias e direção de Gabriela Rabelo, O Legítimo Pai da Bomba Atômica leva para o palco questões políticas, históricas e técnicas que envolvem a criação da bomba atômica e o que significaria para a humanidade o uso dessa arma na atualidade.
A montagem também contribui com um importante debate sobre questões étnicas como representatividade e lugar de fala, pois personagens reais de diversas nacionalidades (alemão, americano, húngaro etc.) são interpretados por atores nipo-brasileiros, integrantes do Coletivo Oriente-se.

O texto, inspirado na história real do físico judeu húngaro Léo Szilárd e na sua participação na construção da primeira bomba atômica, traz para a cena as figuras de sua esposa, a médica Gertrude Weiss, e diversos personagens históricos, entre eles Albert Einstein, o presidente americano Harry Truman, o general Groves, e vários outros que direta ou indiretamente colaboraram para a construção da bomba e para seu lançamento que resultou no extermínio de centenas de milhares de pessoas em Hiroshima e Nagasaki.

O caminho entre a descoberta científica e a sua utilização como bomba de destruição em massa é acompanhado por um drama interno do físico Léo Szilárd, que vê sua invenção ser desviada do objetivo.
A ideia do projeto é alertar para os perigos de se resolver os conflitos mundiais através de guerras, através da montagem de espetáculos que tratem das grandes tragédias da humanidade.

“O objetivo do espetáculo é ajudar a disseminar a cultura de paz, promovendo um debate sobre o sentido das armas de destruição através da história de Léo Szilárd ao mesmo tempo que convidamos o público a refletir sobre a estupidez da guerra e da utilização das armas terríveis que vêm sendo criadas com o avanço da ciência, além disso colocando atores nipo-brasileiros em cena, reforça nosso manifesto como atores nipo-brasileiros que podemos interpretar qualquer personagem e não aqueles tipos estereotipados e equivocados como tintureiro, verdureiro e samurai, quando não nos colocam para falar errado e exóticos. Não somos exóticos e muito menos estrangeiros em nosso próprio país, somos como qualquer outro brasileiro”, diz Rogério Nagai, coordenador geral do projeto, que já viveu o físico na montagem original.

FICHA TÉCNICA:

Texto: Murilo Dias César
Direção: Gabriela Rabelo
Elenco (em ordem alfabética): Edson Kameda, Gilberto Kido, Ligia Yamaguti, Ricardo Oshiro e Ulisses Sakurai.

 

Texto disponibilizado pela produção do espetáculo.

Detalhes da peça

Status

Encerrada

Temporada

De 28/04/2023 até 30/04/2023

Dias

sex 21h, sáb 21h, dom 19h

Duração

90 minutos

Valor

Grátis, distribuídos 1 hora antes de cada apresentação ou pela plataforma Sympla.

Região

São Paulo /

Teatro / Espaço

Teatro Arthur Azevedo
Avenida Paes de Barros, 955, Alto da Mooca, São Paulo/SP - 03115020

Estacionamento

No Local

Cafeteria

Sim

Telefone

(11) 2604-5558

E-mail

teatroaa952@gmail.com

10

Classificação indicativa

Não apropriado para menores de 10 anos

Galeria de fotos
Fotos por Joelma do Couto
Compartilhar em

Inf Busca Peças

Data
Preço

Este website armazena cookies no seu computador. Esses cookies são usados para melhorar sua experiência no site e fornecer serviços personalizados para você, tanto no website, quanto em outras mídias. Para saber mais sobre os cookies que usamos, consulte nossa Política de Privacidade

Não rastrearemos suas informações quando você visitar nosso site, porém, para cumprir suas preferências, precisaremos usar apenas um pequeno cookie, para que você não seja solicitado a tomar essa decisão novamente.