Você está na cidade de:

MOSTRA DE SOLOS: A COBRADORA, PORTAR (IA) SILÊNCIO, SOBREVIVENTE E A DOENÇA DO OUTRO

Itaú Cultural realiza Mostra de Solos com artistas que levam à cena temas identitários

De 11 de abril a 19 de maio, o Itaú Cultural realiza na Sala Multiuso a Mostra de Solos, programação nos
finais de semana deste período de peças intimistas com pautas sociais urgentes, como o feminismo, encarceramento, ancestralidade, racismo e sorofobia. Nas duas primeiras semanas, trata da luta das mulheres por seu espaço na sociedade em A Cobradora, com Maria Alencar Rosa e da pesquisa biográfica do ator Jhoao Júnior sobre os porteiros de edifícios de São Paulo, em PORTAR (IA) SILÊNCIO. Traz, ainda, o teatro documental de Nena Inoue em Sobrevivente e A Doença do Outro, autoficção de Ronaldo Serruya, que faz uma análise sobre a história social da AIDS.

Com dois espetáculos por semana, a Mostra de Solos abre com A Cobradora, nos dias 11 e 12 de abril
(quinta-feira e sexta-feira), sempre às 19h. No palco, a atriz Maria Alencar Rosa, da Zózima
Trupe, reúne histórias de muitas mulheres. Representa desde figuras arquetípicas do universo feminino,
como Eva ou Lilith, até figuras representativas do cotidiano urbano, construídas por meio de histórias
orais de cobradoras de ônibus.

A personagem central, que trabalha na catraca, reclama o seu espaço na sociedade patriarcal, assim como cobra de si e do mundo os múltiplos desejos e sonhos que lhe foram roubados. Insubmissa, ela exige o seu direito por dignidade, igualdade e justiça.

No sábado e domingo deste primeiro final de semana (dias 13 e 14), o espaço da Sala Multiuso é do
ator Jhoao Junnior, com PORTAR (IA) SILÊNCIO. O espetáculo parte do depoimento em vídeo de nove
migrantes nordestinos radicados em São Paulo sobre o trabalho nas portarias de prédios da cidade. Esta
ficção feita a partir de testemunhos reais, ganha o palco por meio do corpo migrante do ator do Rio
Grande do Norte, que faz uma interlocução com a sua própria experiência nessa condição.

No espetáculo, a portaria do prédio torna-se uma metáfora aos efeitos existenciais de um processo
migratório, cabendo ao migrante, normalmente, o silêncio, a invisibilidade e a espera por pertencer à
cidade escolhida para viver. Os Josés, Severinos e Antônios que ali trabalham, revelam em seus sotaques
invisibilizados que nem todo nordestino é Paraíba, que cada um tem sua própria história e que o Nordeste tem nuances de sotaque e de uma história colonial, que aos poucos vai sendo passada a limpo.

PROGRAMAÇÃO

Espetáculo A Cobradora
Dias 11 e 12 de abril (quinta-feira e sexta-feira), sempre às 19h
Com Maria Alencar Rosa, da Zózima Trupe
Na Sala Multiúso (2º andar)
Duração: 90 minutos
Capacidade: 70 lugares
Classificação Indicativa: Não recomendado para menores de 14 anos [nudez e violência]

Espetáculo PORTAR (IA) SILÊNCIO
Dia 13 de abril (sábado), às 19h, e dia 14 (domingo), às 18h
Com Jhoao Junnior
Local: Sala Multiuso
Duração: 60 minutos
Capacidade: 70 lugares
Classificação Indicativa: 12 anos [violência]

Espetáculo Sobrevivente
Dias 18 e 19 de abril (quinta-feira e sexta-feira), sempre às 19h
De Nena Inoue
Na Sala Multiúso (2º andar)
Duração: 84 minutos
Capacidade: 70 lugares
Classificação Indicativa: 14 anos [nudez e violência]

Espetáculo A Doença do Outro
Dia 20 de abril (sábado), às 19h, e dia 21 (domingo), às 18h
De Ronaldo Serruya
Na Sala Multiúso (7º andar)
Duração: 60 minutos
Capacidade: 70 lugares
Classificação indicativa: 12 anos [temas sensíveis]

Detalhes da peça

Status

Encerrada

Temporada

De 11/04/2024 até 21/04/2024

Dias

  • Quinta19h
  • Sexta19h
  • Sábado19h
  • Domingo18h

Duração

90 minutos

Valor

Gratuito - As reservas de ingressos têm início sempre na quarta-feira da semana anterior às sessões, a partir das 12h, através plataforma INTI

Região

Centro / São Paulo

Teatro / Espaço

Itaú Cultural
Avenida Paulista, 149, Bela Vista, São Paulo/SP - 01311000

Estacionamento

Rua Leôncio de Carvalho, 108

Cafeteria

Não

Telefone

1121681777

E-mail

atendimento@itaucultural.org.br

14

Classificação indicativa

Não apropriado para menores de 14 anos

Galeria de fotos
Fotos por Jonatas Marques,Maringas Maciel,Leonardo Souza,,Mylena Sousa
Compartilhar em

Você pode se interessar

KING KONG FRAN

Numa fusão das linguagens de circo e teatro, o solo KING KONG FRAN, protagonizado pela personagem-título Fran, criação da atriz e palhaça Rafaela Azevedo, convida o público a conhecer o avesso dos estereótipos do feminino disseminados na sociedade. Partindo de referências como a atração circense Monga, A Mulher Gorila, e King Kong, o gorila gigante do cinema, Rafaela questiona a sexualidade e a distinção de gênero na construção social.

de 12/06/2024 a 29/08/202480 minà partir de R$ 50Em breve
  • Quarta20h
  • Quinta20h
  • Quarta20h
  • Quinta20h
Teatro Uol

DIÁRIO DE UM LOUCO

“Diário de Um Louco” apresenta as desventuras do funcionário público Akcenti Ivanovitch, tomado subitamente de paixão pela filha do chefe. Elaborando planos mirabolantes para ser percebido pela moça, de uma classe social mais alta, cria para si um mundo de fantasias que sai de seu controle e acaba por condená-lo ao manicômio.

de 05/04/2024 a 02/06/202480 minà partir de R$ 40Em cartaz
  • Sexta20h
  • Sábado20h
  • Domingo19h
Teatro Viradalata

CAIO EM REVISTA

Em cena, Roberto será porta voz de Caio nos textos mais pessoais, falando em primeira pessoa sem qualquer tentativa de reproduzir as características físicas e vocais de Caio. Uma outra voz abarca dois heterônimos criados por Caio: as colunistas Nadja de Lemos e Terezinha O’Connor, figuras femininas (dentro de uma estética “camp”, é claro), que fazem uma crônica dos tipos humanos e comportamentos da fauna urbana da São Paulo (ou de qualquer megalópole) dos anos 80, revelando uma percepção aguda a apontar um dedo (de longa unha vermelho-ciclâmen) para as idiossincrasias da sociedade alternativa da época. Em CAIO EM REVISTA teremos um Caio Fernando Abreu um tanto diverso daquele intérprete das angústias e do mal-estar no mundo de sua geração. Roberto Camargo vestirá a roupa de um Caio memorialista e poético, de um Caio humorista e cronista, de um Caio cheio de graça e de luz.

de 11/05/2024 a 25/05/202460 minà partir de R$ 40Últimos Dias
  • Sábado17h
Teatro Viradalata

Inf Busca Peças

Data
Preço

Este website armazena cookies no seu computador. Esses cookies são usados para melhorar sua experiência no site e fornecer serviços personalizados para você, tanto no website, quanto em outras mídias. Para saber mais sobre os cookies que usamos, consulte nossa Política de Privacidade

Não rastrearemos suas informações quando você visitar nosso site, porém, para cumprir suas preferências, precisaremos usar apenas um pequeno cookie, para que você não seja solicitado a tomar essa decisão novamente.